13 de julho de 2022

Como Saber Se um Site É Seguro em 6 Passos

Como Saber Se um Site é Seguro em 6 Passos
Entre no artigo e descubra como saber se um site é seguro.
Compartilhe este Post

Quando você anda na rua, é preciso tomar certos cuidados: esperar o sinal vermelho, olhar para os lados antes de atravessar e evitar andar sozinho por lugares muito vazios e escuros são alguns deles.

A internet já está tão presente em nossas rotinas que pouco paramos para pensar sobre os perigos que corremos ao passar de um site para outro, baixar arquivos, autorizar transações bancárias ou fornecer dados pessoais. É necessário, no entanto, prestar atenção! 

Para te ajudar com isso, este artigo traz um passo a passo de como saber se um site é seguro. Boa leitura!

1. Atente-se à URL do site

A URL de um site é o seu endereço e, por isso, é essencial prestar bastante atenção nela. Pessoas mal intencionadas e criminosos podem fraudar todo o conteúdo de um site, clonando-o para que fique idêntico ao original e utilizar uma URL muito parecida para tentar enganar os usuários.

Por isso, preste muita atenção ao endereço do site em que você está, especialmente se ele for de uma instituição financeira ou órgão público. No primeiro caso, o mais adequado, sempre, é que a URL seja www.seubanco.com.br. No caso dos órgãos públicos, a extensão costuma ser .gov, .mil ou  .edu, no caso de instituições educacionais. 

Duvide de extensões que sejam apenas .com ou mesmo .org ou .net: você mesmo pode, facilmente, comprar qualquer um desses domínios na internet sem qualquer verificação, o que aumenta a possibilidade de que eles sejam fraudulentos. 

2. Verifique se a conexão é segura

Ainda sobre as URLs, é importante verificar se o endereço começa com https ou apenas http. Esse s no final significa que o site utiliza uma conexão segura. 

Outra forma de fazer essa verificação é clicar no pequeno cadeado que você encontra no campo do endereço do seu navegador. Esse clique abrirá uma caixa de diálogo que informa, entre outras coisas, se a conexão é ou não segura.

Como Saber Se A Conexão É Segura

3. Confira os certificados de segurança no rodapé do site

Os selos de segurança no rodapé de um site indicam que ele passou por análises e foi aprovado, tornando-se um endereço confiável na internet. Preste atenção, ainda, na certificação destes selos, pois eles também podem ser falsificados. 

Busque por selos de empresas como Google, Reclame Aqui, SiteLock e Site Seguro. 

4. Pesquise a credibilidade do site

Como saber se um site é seguro: pesquise sobre a experiência de outros usuários com ele! Para fazer isso, jogue o nome do site no Google ou em sites como o Reclame Aqui e o Posso Confiar para ler a opinião de outras pessoas e evitar a dor de cabeça de ter seus dados roubados ou de contratar um serviço/comprar um produto e descobrir que não é nada do que foi anunciado.

Você já deve ter percebido, também, que ao digitar o nome de uma empresa ou marca no Google o buscador te oferece uma janelinha especial do navegador, que fica em destaque entre os resultados. 

Isso significa que a empresa está cadastrada no Google Meu Negócio, e essa é outra forma importante de verificar a credibilidade, já que para que esse cadastro seja efetivado, as informações precisam ser autenticadas.

Como Checar a Credibilidade de Um Site

5. Cheque as informações de contato

As informações de contato da empresa também são uma forma de checar a credibilidade. Um site que não te informa nem telefone nem endereço deve acender o seu sinal vermelho, já que essas são outras formas que você tem de acessar a empresa.

6. Não clique em qualquer link

Esse último passo é para te lembrar que, em alguns casos, deixar para conferir se um site é seguro só depois de entrar nele já é um erro. Atente-se aos endereços dos sites antes mesmo de clicar neles e nunca acesse qualquer link que você receber por e-mail ou WhatsApp, mesmo se ele vier de uma pessoa conhecida: ela pode ter sido hackeada ou estar distribuindo vírus sem nem saber.

Muitas vezes, na internet, basta um clique desavisado para ter muita dor de cabeça. Portanto, desconfie dos links, especialmente dos encurtados, que têm ainda mais chance de estar mascarando uma armadilha. 

Aqui no blog da Limite na Hora nós nos preocupamos muito com esse assunto e, por isso, produzimos conteúdo de qualidade para que você corra menos riscos ao navegar pela internet e realizar suas transações financeiras. Agora que você já aprendeu como saber se um site é seguro, aproveite para conferir, também, nosso artigo com dicas para não cair no golpe do empréstimo pelo WhatsApp.

Compartilhe este post

MÍDIA | NOTÍCIAS SOBRE A  LIMITE NA HORA

Veja o que os veículos de comunicação estão dizendo sobre a Limite na Hora:

Exame - Existe complementaridade entre fintechs e bancos em meio à crise

Revista Economia SA - : O modelo disruptivo de concessão de créditos via limite do cartão de crédito.

Administradores - Fintechs e bancos como aliados em meio à crise.

Space Money - Cartão de crédito: o futuro do crédito pessoal.

Hoje em Dia - A história do empreendedor da Limite na Hora.

Economia S/A - Cartão de crédito: o futuro do crédito pessoal.

Bonde - Empréstimo no cartão de crédito: como funciona?

Notícias de Empregos - Empréstimo no cartão de crédito é opção com juros baixos e menos burocracia.

Jornal Contabil - Cartão de Crédito: O futuro promissor do crédito pessoal.

Jornal Tribuna - Escape da inadimplência utilizando as opções de crédito disponíveis.

Jornal Tribuna - Concessão de empréstimos para micro e pequenas via limite do cartão de crédito.

Jornal Tribuna - Reviravolta: Empresário supera perda na infância para construir carreira de sucesso.